?

Log in

Oct. 25th, 2009


It's been a while since I wrote here. Actually I haven't written anything lately.
Lot have changed. I'm a bit lost. I lost the big connection I had with church. I stopped watching my favorite shows, reading my books, singing (what I usually did in church) and I'm not sure if I feel like studying as hard as I used to.
I lost my hours of sleep, the regularity of my meals and my timing in general.
I'm suddenly no longer the girl who had her father picking her up when she only one block away from home, or the girl who doesn't know how to take a bus.
I no longer have someone to cook for me, or to clean my house and wash my clothes, or to drive me, or to push me into studying.
I no longer have someone to talk to when I wake up, to make me coffee and buy some bread.
I do it all now. I mean, I don't buy any bread in the morning, but I do the rest.
And that's this year. This semester actually.
Considering that last semester I was deeply involved in  the furniture business and teaching high school subjects, but already with no books - that was really weird...I would have normally read a lot..
Anyway, I'm all weird now. I still gotta get used to myself, so I can't really expect that anyone will really get to know me, since I don't.
But we always get some illusions you know? Especially me, I've always been so silly. But I can't be a kid, though I'd really like to.
Still I'll always be a kid when I'm back home, which is also not right but..
I gotta stop complaining xp


Set the alarm  for 7 am again
Haven't spoken to you since God-knows-when
Must have crushed our hearts this silent plan
But we all feel/fell apart when the play ends
And it has just began
Will it be the same
Once the circus's gone

The trampolines won't catch our falls
and monkeys won't come out to play
We'll be caught between real walls
whit bricks an all those sort of things
Our laughs could be misunderstood
our eyes should be more open
But in someway changes can be good
do you remember I never really liked the clowns?






Meus amigos dão os melhoooores conselhos.

          · #Adolfo Martins  {comer } diz:

 po

sega o q eu to falando
vmos beber e chorar
pela sua partida

mais vc tem q beber t


du diz:


h
ããã..inventa ujm dia
cria uma primeira-feira e faz nela
: )



leticia diz: 

 

 

mas nao é problema

é facil de resolver

so pensar


uahuahuah. adoro xp

Jul. 9th, 2009


Cara, to meio surtada. Tenho mais duas semanas na minha cidade antes deu ir pra Minas arrumar minhas coisas e, talvez, ficar lá de vez. E tem quinhentas coisas que eu tenho q resolver antes de ir neh, até vacina eu preciso tomar ainda, e tenho q ir nuns 3 médicos. Além de separar roupa (minha/de cama/banho/cozinha/limpeza) e os vários utensílios domésticos ou pessoais neh.
E minha mãe tá trabalhando 24h por dia essa semana pra repor os dias q ela vai faltar pra poder viajar comigo. E eu to meio parada dentro de casa, mas tem esse milhao de coisas q eu tenho q fazer. E aí minha mãe vai ficar puta de vida, com razão, qnd ela chegar morta de trabalhar e eu nao tiver feito nada. Mas isso só mostra a minha retardada dependencia da minha mae. Ai vc pensa: 'ela vai morar sozinha?'. Tipo, vo, com ctz. Mas é dificil de explicar. E minha mãe quer q eu esteja disponível pra ela, nas poucas horas em que ela está disponível neh, mas essas horas sao exatamente as horas que batem com alguma coisa q eu possa fazer com/para algum amigo. E aí complica a história toda e tal.
Mas de qlqr forma: eu nao vejo a hora de já estar lá. E com as coisas certas. Ai, Deus.
 

Jun. 24th, 2009

Desapego hein... te contá.
x.x

Tags:

É o seguinte:
A minha principal meta, que era a UFES, não foi alcaçada. O resultado saiu hoje, sou a quinta suplente, mas em geral eles chamam -1 suplente em medicina. Então, não deu.
Mas amigos meus que achavam que nem iam passar e tudo passaram. E eu tive que dar trote neles, neh... esse era o combinado.
Não tô tão bolada com o resultado porque acho que vou passar na UFJF. Eles publicaram as notas na terça-feira, e sempre tem umas pessoas que fazem listas e tal, e parece que eu passei. O resultado oficial sai na terça que vem, mas estou realmente confiante.
Então, eu e nat, apesar de não termos passado na UFES, demos e tomamos ovada na rua hoje porque acreditamos que vamos pra federal ano que vem - ela em Niterói, eu em Juiz de Fora.
Ou seja, pack your bags! It's going to be a looooooooooong ride!

Em resumo, it's a bittersweet symphony xp
You Are a Strawberry
You are friendly, outgoing, and well liked by many people.
You are popular, but there's nothing you ordinary or average about you.

You a very interesting person, and you have many facets to your personality.
Sometimes you feel very conflicted. Your different sides of your personality pull at you.

You are a very sensual and passionate person. You are fiery... you can't help it.
In general, you keep your passionate side under wraps. You are only wild in private.
About that last paragraph: O.O WTF?!

FEAR

Como um amigo meu bem disse:
(direitos autorais reservados xp)

"At the end of the season,
There are many feelings coming true
One of them is fear
Fear of come this far and fail
That the dream could die
(...)"

pernas-bambas


(also known as FEAR!)

Nov. 24th, 2008


And (hey!) I'm seventeen!
(número primo)

so? o.o

 

^^

Nov. 24th, 2008


  É muito reconfortante a idéia de que há alguém 'mechendo os pauzinhos' no nosso teatro de marionetes. O melhor pensamento que há é o de que nada é por acaso, e acho que é por aí - caso não seja, não há nada melhor para pensarmos mesmo, e preocupações não valem a pena.
  Por exemplo: para onde você vai? O que vai ser da sua vida? Você não sente falta de tudo o que deixou para trás? Será que devia ter feito isso? Ou o que você vai fazer amanhã? Será que seu tempo não seria melhor gasto com outra coisa? É inútil perder tempo com esse monte de indagações, prefiro ficar com a boa e velha teoria do você está exatamente onde deveria estar. Afinal, se você está no lugar errado meio que já era, né? Fujo o máximo que posso da idéia de querer estar em qualquer outro lugar.
  Também acho que não gosto muito de perguntas, apesar de já ter me acostumado plenamente com elas. Afirmações, ou negações, são mais simples. (Mas sem pergunta não há interlocução... acabei de descobrir a origem dos meus tão frequentes monólogos.) Nem são bem perguntas, não gosto é de cobranças - a questão é que as interrogações frequentemente carregam uma expectativa disfarçada nos ombros, não tem como negar. Expectativas são outras que não servem pra muita coisa, mas dessas eu acho que gosto porque são inevitáveis e nutrem uma baita esperança (ou não).
  Outra coisa reconfortante é o tempo, a maior faca de dois gumes que há. É, porque pode ser reconfortante ou agonizante ao mesmo tempo. Mas digo, na juventude, o tempo é um aliado (pensando em termos de vida - longa ao rei!). Você ainda pode pintar e bordar e ainda vai conhecer as personagens mais importantes; ou não, mas você não sabe. Hm... cara, eu tô com sono.
  Mas tá. Não leiam isso ou, se já leram, sem expectativas, eu espero.

.. eu sou uma boa piadista. ^^ (piada interna)


Ô meu Deus! Rezem pela minha redação! 'xp
:*